Aracaju – SE

FRAGMENTOS DA NOSSA HISTÓRIA E MISSÃO EM ARACAJU “UMA HISTÓRIA DE AMOR” 1989-2009

Uma história de amor pelo Brasil!ser00

O Oratório Festivo “São João Bosco”, conhecido como “Oratório de Bebé”, foi fundado em 1914, por Genésia Fontes (Mãezinha Bebé), e tem como objetivo abrigar, amparar e educar crianças e adolescentes do sexo feminino, órfãs principalmente de mãe, na faixa etária de 04 a 08 anos, idade exigida para internar, podendo permanecer até os 18 anos, recebendo formação espiritual e moral e preparação para a vida; estudo fundamental e cursos profissionalizantes: corte e costura, bordados, formação do lar. etc. Muitas se formaram, algumas foram adotadas e outras retornaram às famílias de origem, já em melhores condições.

A vinda das Irmãs Ministras dos Enfermos para o Oratório de Bebé, em Aracaju-SE, deu-se em 16 de março de 1952, acolhendo a proposta do então Arcebispo de Aracaju, D. Fernando Gomes, para assumir o Oratório, uma instituição para crianças carentes e órfãs da capital sergipana.

ser02 A chegada das Irmãs foi de muita alegria para D. Bebé, pois ela já estava se sentindo cansada pela idade e queria que a sua querida Obra continuasse e que as crianças não sofressem a sua ausência. A abertura dessa nova frente de missão foi acolhida pelas Irmãs, como um dom da Providência, já que neste local disporiam também de uma área física adequada para a formação das candidatas à vida religiosa. E D. Bebé sentia-se feliz por as Irmãs acolherem as jovens que se apresentavam para receber a formação para se tornarem Ministras dos Enfermos e darem continuidade à sua querida Obra, o cuidado das orfãzinhas.

ser03No dia 23 de março de 1953, estando presentes a Revda. Superiora Geral, Ir. Eletta Perfetti, e a Secretária, Ir. Antonieta Pasquelli, ingressaram as primeiras jovens brasileiras no Noviciado.

Já então o Oratório possuía uma escola com cerca de 100 alunas, sendo aproximadamente 40 em regime de internato e as demais, em regime de externato. A escola funcionava exclusivamente com professoras voluntárias; já então existia o “Oratório Festivo” aos domingos com cerca de 400 crianças vindas das redondezas, quando era promovida muita diversão, jogos, brincadeiras e as aulas de catequese e preparação para a vida. Tudo se realizava através do voluntariado.

Em 1960, morre a querida Mãezinha Bebé.

ser04
Para as crianças, começa uma nova história, mas o desvelo e o carinho das Irmãs as reanimava a retomar a caminhada, na alegria de serem crianças, na esperança de um futuro melhor.

Na capital sergipana, além do cuidado das crianças, as Irmãs prestam serviço a doentes pobres em suas casas. Por alguns anos desenvolveram atividades pastorais junto às prostitutas; a comunidade assume outras pastorais: a coordenação da Pastoral da Criança desde que esta iniciou no estado de Sergipe e a Pastoral da Saúde.

ser05
As jovens continuavam se apresentando para a formação religiosa. A comunidade havia crescido. Nesse período da história, fez-se necessário nomear uma representante da Superiora Geral no Brasil. Na década de 1960, foi então nomeada a Ir. Valéria Bertolini com o título de Comissária.

A partir da década de 1980, todos os orfanatos já não recebiam apenas crianças órfãs, passando a acolher crianças carentes e em situação de risco e vulnerabilidade, recebendo orientações diretas do Juizado da Infância e da Juventude; não mais orfanato e, sim, ABRIGO.

Mais tarde, com o aumento do número de Irmãs e o surgimento de outras comunidades, foi erigida a Pró-Província Brasileira, sendo nomeada 1ª Pró-Provincial a Ir. Gesualda Ghedini. Houve então a transferência do Noviciado de Aracaju para o Rio Grande Sul. Anos depois, o Brasil se torna Província Brasileira, tendo como 1ª Provincial a Ir. Rosa Lazzari, em 2002.

Em 1998, deu-se a abertura ao ano jubilar- 50 anos de presença das Irmãs Ministras dos Enfermos na Província Brasileira Maria Domingas, com o “slogan” “A VIDA PELA VIDA”. Em Aracaju, na véspera da festa de abertura do ano jubilar, ocorreu o triste acontecimento “a vida pela vida” com o derramamento de sangue da nossa querida Provincial, Ir. Elisabete Cavalli, atropelada por um carro, bem em frente ao Hospital Cirurgia, próximo ao Oratório, onde, no dia seguinte, seria realizada a grande celebração de abertura do ano jubilar, no Salão “Bebé Eventos”, e seria também a abertura do Curso de Animação e Revitalização da Vida Religiosa (CACREV) da Pró-Província. Com grande pesar e com a presença de muita gente, quatro bispos, sacerdotes, religiosas, Irmãs da Congregação, alguns familiares da falecida, crianças, amigos e autoridades, neste mesmo local de festa, foi celebrada a Missa de corpo presente da Ir. Elisabete, marcando com o selo do seu sangue essa data jubilar da nossa Província.

“A VIDA PELA VIDA”

Gratidão… Saudade!…
sergipe0ir elisabet Obrigada, Ir. Elisabete, pela sua vida simples, alegre, humilde e corajosa, doada à Igreja e à Congregação e plenamente doada nestes últimos cinco anos como pastora desta nossa Pró-Província brasileira. Você é uma das pioneiras. Você cumpriu a sua missão. Você tinha o dom de cativar as pessoas pelo seu sorriso e sua sinceridade. Sinto saudades de você, da nossa convivência como coirmã, quando trabalhamos juntas por tanto tempo! Mas o Senhor a levou para junto de Si, para ser mais uma flor a embelezar o jardim do Céu!

“Vida pela Vida” é o slogan do ano jubilar. Você deu a sua vida na missão como pastora, num momento muito especial, derramando o seu sangue até a última gota… Que o seu sangue derramado, querida Ir. Elisabete, seja semente que vai brotar e gerar vida, vida nova, em nossos corações, neste ano de graça e que você participe no Céu do abraço do PAI. Interceda por nós ao PAI, por mim, pela nossa querida Congregação e pela sua e nossa amada Pró-Província brasileira. Ir. Elisabete, obrigada por tudo e para sempre!> (escreveu a Ir. Georgina Barboza)

Logo após o falecimento da Ir. Elisabete, a Vice-Provincial, Ir. Rosa Lazzari, assumiu interinamente a direção da Pró-Província. No ano de 1993, foi nomeada a 1ª Superiora Delegada do Nordeste, na pessoa da Ir. Beatriz de Marco, estabelecendo-se a sede em Aracaju-SE. De 1996 a 1999, Ir. Teresa Salvagni assumiu a Delegação, estabelecendo sede em Feira de Santana – BA.

No ano de 1999, realizou-se o Vº “CACREV” na casa de férias da ATALAIA, com a participação das 14 Irmãs mais vividas da Pró-Província brasileira, assessorado pela Ir. Teresa Salvagni e pela Ir. Celite Frare; esse encontro de 20 dias culminou com um retiro espiritual de oito dias, orientado pela Ir. Angélica.
sergipe000 Mil graças! Ainda no mesmo ano, foi celebrada no Oratório, com grande ênfase, a festa dos 50 anos da chegada das primeiras Irmãs italianas a terras brasileiras. Por essa ocasião, registramos a visita inédita de 03 Irmãs do Conselho Geral: Ir. Terezinha Panarotto (italiana), Ir. Pierangela Giambelli (italiana) e Ir. Lucia Lan (Taiwan).

No ano 2000, a Ir. Marisa Inêz Mosena veio para Aracaju, assumindo a missão de Superiora da Delegação e também como presidente do Oratório Festivo “São João Bosco”, dando grande impulso à formação permanente das Irmãs nessa região do Nordeste. No mesmo ano foi celebrada com grande entusiasmo a passagem dos 40 anos do falecimento da querida “Mãezinha Bebé”. Houve um tríduo preparatório, quando foram colocados pontos significativos da vida e virtudes de D. Bebé. No dia da festa, estavam presentes muitos convidados: parentes, amigos e benfeitores da Obra, colégios e instituições, alunas e ex-alunas do Oratório, religiosas (os), autoridades civis e militares, funcionários, professoras, pensionistas, Família Maria Domingas, diversos corais, etc. com a participação das crianças internas, filhinhas prediletas da “Mãezinha Bebé”, com suas apresentações de coreografias e balé clássico. A família Fontes, familiares de Mãezinha Bebé, se fez presente com cerca de 40 pessoas.sergipe00

Em 2002, celebramos os 50 anos da chegada das Irmãs em Aracaju, mais especificamente no “ORATÓRIO DE BEBÉ”. A celebração do dia 16 de março foi precedida por um tríduo de preparação, bem participado por amigos, benfeitores, alguns políticos, representantes do Governo estadual e municipal, Família Maria Domingas, colégios e escolas públicas, povo em geral e com a participação de diversos corais. E não faltou a participação da Banda do Corpo de Bombeiros de Aracaju.

A Celebração eucarística foi presidida por Dom Mário Sivieri, amigo e benfeitor de longa data do Oratório e das Irmãs, com a presença de outros sacerdotes, religiosos e religiosas. Nesta Celebração houve a apresentação do coral “Canarinhos de Aracaju”, com a participação de algumas das nossas meninas abrigadas. Tudo foi um canto de louvor e ação de graças a Deus, pela grande dádiva da nossa Congregação.

Ainda em 2002, todas as Irmãs da Delegação Regional do Nordeste, Sergipe e Bahia tiveram o Encontro de Formação Permanente, com a Ir. Meire Elizabeth abordando o tema do Eneagrama; houve também o Capítulo Geral, com a reeleição da Superiora Geral, Ir. Tomasina Gheduzzi, e renomeação da Superiora Regional, Ir. Marisa Inêz Mosena.

Em 2003, tivemos a visita da Superiora Geral, Ir. Tomasina, e da Secretária, Ir. Teresa Salvagni.sergipe01

Em 2004, foi realizada a festa dos 90 anos de Fundação do nosso querido ORATÓRIO, comemorada no dia 15 de agosto, precedida por uma preparação com vários temas em torno da vida e missão de Genésia Fontes e a missão das Irmãs até o momento atual. Após a celebração, houve confraternização, agradecimentos e a linda apresentação de balé clássico das meninas internas. A Celebração eucarística foi presidida pelo Pe. Jerônimo Peixoto, pároco da Catedral Metropolitana. Durante todos os dias de comemorações, houve a presença e participação de Rádios e TVs e de diversos corais.

Nossos grandes parceiros por esta ocasião foram: O BANESE (Banco do Estado de Sergipe), assumindo a pintura externa de todo o prédio do Oratório, e a ENSURBE, embelezando os nossos jardins. Houve ainda muitas outras parcerias na programação e preparação da festa. Por tudo, a nossa eterna gratidão a Deus e aos nossos colaboradores.

Em 2005, aconteceu o falecimento do nosso querido Santo Padre, o Papa João Paulo II, e a eleição do novo Papa, Bento XVI. Neste ano, celebramos também, com grande alegria, as Bodas de Ouro, 50 anos de consagração das 02 Irmãs pioneiras do Nordeste: Ir. Auxiliadora Ferreira Santos e Ir. Gema Santos Silva.

No ano de 2006, foram realizadas diversas reformas na casa, como também na parte da escola, para melhor atender à demanda dos projetos da Instituição. Como vinha acontecendo já em outros anos, contamos com diversas parcerias: Juizado da Infância e da Juventude, Ministério Público, instituições e abrigos, Irmãs Paulinas, Instituto dos Canarinhos de Aracaju, Universidade Tiradentes – UNIT, Universidade Federal de Sergipe – UFS, Faculdade Amadeus – FAMA, salesianos, carmelitas, Secretaria de Estado da Inclusão, Assistência e do Desenvolvimento Social – SEIDS, Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania – SEMASC, Secretaria de Educação do Estado, Tribunal de Justiça do Estado de Sergipe – TJ, Conselhos Tutelares do Município e do Interior.

Além disso, somaram forças com as Irmãs estagiários de universidades das áreas de Serviço Social, Pedagogia e Psicologia; contamos ainda com o serviço de voluntários: médico pediatra, dentista, assistente social, advogado, professoras para reforço escolar, artesanato (biscuit), balé e teatro infanto-juvenil. Desenvolvemos projetos com a participação e parceria de GOLFINHO (Corpo de Bombeiros), Ciranda de Luz (MP), Jovens Talentos Cientistas (URFS), Eleitor do Futuro (SESI), Flauta e Cidadania (TIM) e Canto Coral e Cidadania (Canarinhos de Aracaju).sergipe02

No ano de 2007, tivemos a visita do Santo Padre o Papa Bento XVI ao Brasil, bem como a visita e a despedida da nossa Superiora Geral, Ir. Tomasina Gheduzzi.

Em 2008, excepcionalmente no mês de maio, celebrando o 140º ano da morte da nossa Mãe Fundadora, Maria Domenica Brun Barbantini, realizou-se, em Roma – Itália, na sede da Congregação, o XXXIII Capítulo Geral Eletivo quando, para nossa alegria, foi eleita a primeira Irmã brasileira como Superiora Geral da Congregação, Ir. Juliana Fracasso.

Registramos que, também na nossa comunidade de Aracaju, no dia 22 de maio, foi celebrada a Santa Missa festiva, numa grande ação de graças, em homenagem aos 140 anos da morte da Beata Maria Domingas, com a participação do povo, amigos, benfeitores, Família Maria Domingas, Irmãs, crianças, pensionistas e pessoas próximas à nossa missão. Em seguida, houve confraternização com a Família Maria Domingas e alguns outros amigos, marcando este tão importante dia para toda a nossa Congregação.

Muito marcante para nós foi também, no dia 16 de agosto, a morte de Mons. Hermenegildo de Castorano, em São Gonçalo dos Campos – BA, nosso grande amigo, orientador e pai espiritual das primeiras Irmãs aqui chegadas da Itália. A ele, a nossa eterna gratidão. Chegando ao ano 2009, o ORATÓRIO está em crescimento no cuidado e formação das crianças e adolescentes; neste ano, houve mudança de Superiora da Comunidade, novas assistentes para as crianças, equipe de voluntários para desenvolverem projetos com alunos universitários da UNIT, FAMA, TJ e outros.sergipe03

No mês de janeiro, celebramos o jubileu de ouro de consagração religiosa de 04 Irmãs do 4º grupo das primogênitas da Província: Ir. Bernadete Vasco Pereira, Ir. Maristela Oliveira, Ir. Donata Santana Matos e Ir. Arlinda Roberto Santos. Essas foram as primeiras vocações surgidas do Oratório Festivo, e foi no Oratório que fizeram sua 1ª experiência, a formação inicial e a 1ª profissão religiosa.

Recebemos também, no mês de março, o casal italiano Sacco Vincenzo e Silipo Anna, que adotaram a nossa menina interna Isiane e seu irmãozinho Kauan. sergipe04

O projeto “Menina Flor” que está sendo desenvolvido neste ano, contempla as seguintes oficinas: Balé, biscuit, cidadania e ludicidade, reciclagem de papel e fantoche. Além disso, contamos também com a parceria da UNIT (Universidade) com um projeto de psicopedagogia para desenvolver a leitura, a relação e a cidadania e o reforço escolar com professoras da FAMA.sergipe05

Para a nossa alegria, neste ano, houve nomeação da nova superiora da Comunidade, Ir. Nelsira Lazzarotto. Aconteceu também a Sagração Episcopal do nosso orientador espiritual, Frei João José Costa, da Ordem dos carmelitas. Algumas Irmãs da nossa comunidade foram prestigiá-lo na sua ordenação, na cidade de Lagarto-SE. Em nível de Igreja, continuamos participando dos Encontros da CRB Regional e Núcleo dos Religiosos, assistência religiosa às crianças na Catequese, Encontros da Diocese, entre outros.

São muitos os desafios em nível sociopolítico e econômico do nosso país: a fome, a miséria, as drogas, violências de toda espécie, das quais muitas de nossas crianças são vítimas. Vivemos, cada dia, na insegurança do amanhã para a nossa instituição, sobretudo na parte econômica. Contudo, sem perder a confiança e a esperança de que Deus é a “Força Maior”, continuamos a nossa luta no dia a dia, acolhendo, educando e formando para a vida as crianças que chegam até nós e que são dons que Deus nos confia.

Queremos expressar aqui, a nossa eterna gratidão às Irmãs italianas, pioneiras desta Obra, a todas as Irmãs que aqui deixaram a sua marca de ternura e desvelo pelas nossas crianças, nossas Madres Gerais e Provinciais que, ao longo desses anos, enviam e apoiam a missão de cada Irmã; àquelas que atuaram, algumas já na casa do PAI, e às que atualmente aqui se encontram. Aos nossos queridos amigos e benfeitores, entre os quais queremos destacar o Fr. Donat Kestel (Alemanha) e o Sr. George Passos Lima; funcionários, voluntários, assistentes sociais, psicólogos e tantas outras pessoas que, no anonimato, nos ajudam a exercer a nossa missão com coragem e confiança, apesar dos desafios e contradições, como diz a nossa Mãe Fundadora: “As obras de Deus não estão isentas de sofrimentos e contradições”.

“A Providência nos dará meios de fazer florescer uma obra que tanto agrada a Deus e que, com o prodígio de sua misericórdia, tem sustentado e feito crescer”. (M. D.)

A nossa gratidão ao Deus da Vida, por tantas graças e dons recebidos!

“Uma esperança celeste sustenta o nosso coração”

sergipe06

Comunidade atual “Divino Espírito Santo”- Aracaju – SE

Deixe uma resposta

Ministras dos enfermos de São Camilo

LINKS IMPORTANTES. DA CONGREGAÇÃO
CAMILIANAS
Ministras de los enfermos-Chile
Camilianas Chile
Camillian Sisters in the Philippines

OUTROS LINKS
Ministri degli Infermi
Religiosi Camilliani Italiani
Centro de Espiritualidade Cristo Rei